Como me tornei fotógrafo

Esse blog tem como objetivo registrar como você, fotógrafo, se tornou fotógrafo. Será um site cuja produção do conteúdo será livre, conjunta e colaborativa.

Se você é fotógrafo e quer participar envie um email para mim: photografosbrasil@gmail.com com o assunto: Como me tornei fotógrafo – seu nome. O texto deve ser basear no exemplo abaixo:

Título do post:
O título deve mostrar as suas especialidades na fotografia, seu nome e a cidade em que atua
Ex: Como me tornei fotógrafo de viagens – Bruno Camargos (Belo Horizonte)

Imagem:
você deve enviar uma imagem com no máximo 1920 pixels de largura para ilustrar o seu post. Favor salvar com qualidade 70% no Photoshop e enviar em JPG.

Texto explicando sua trajetória:
sinta-se livre para escrever sua trajetória, mas o texto deve ter no mínimo 250 palavras e não há um máximo. Quanto mais melhor, claro!

Link do seu portfólio:
será permitido envio de links do seu portfólio.


Vamos ao exemplo de post:

Como me tornei fotógrafo de casamento em Campos / RJ – Bruno Camargos

Eu era publicitário, trabalhava em uma agência como diretor de arte em 2001. Na época, adorava o que fazia, mas o trabalho era estressante demais. Muitos prazos, noites sem dormir, clientes alterando escopos encima da hora, enfim, um caos.

Certo dia, eu estava aprovando uma campanha com um fotógrafo de nossa equipe e ele me relatou como havia se tornado fotógrafo de paisagens. Aquilo me tocou profundamente, pois era uma história simples, até banal, mas que mudou a vida dele completamente.

No dia seguinte, me inscrevi em um curso de fotografia no Rio de Janeiro e comecei a fazer todos os módulos. Em 1 ano me sentia apto a me considerar fotógrafo. Em 2003 pedi demissão da agência, pois eu já estava fotografando profissionalmente para várias agências do Rio e de São Paulo, inclusive para minha agência. O dono da agência me apoiou totalmente na decisão.

De lá para cá, fui focando meu trabalho e hoje atuo como fotógrafo de casamento em Campos /  RJ. Trabalho todos os finais de semana (sexta e sábado). Não trabalho domingo por uma decisão pessoal, mas isso é algo recente.

Conheça um pouco do meu trabalho:

  • www.meusite.com.br
  • www.instagram.com.br/seunome